0
0

Pr?ximo Assassin's Creed ocorrer? na era Vitoriana e ser? feito fora de Montreal

Por Leonardo Teixeira às 19:50h - 02/12/14
0

Detalhes do Assassin's Creed que você jogará em 2015 já estão pipocando. Assassin's Creed Victory (ainda não se sabe se este será mesmo o nome) se passará em Londres no século 19, durante a era Vitoriana, e será desenvolvido desta vez sob liderança da Ubisoft Quebec, não mais do estúdio em Montreal - até então a matriz de todos os Assassin's Creed desde 2007. É uma transição já sugerida pela francesa, vale lembrar. O jogo por hora apresenta mudanças cinematográficas, mas um elemento pequeno que pode mudar bastante a receita da marca. Informações vêm de especial do Kotaku.

O site teve acesso a um vídeo de sete minutos apresentando um trecho de jogabilidade. Tudo na demonstração, segundo o repórter, foi construido através da ferramenta Anvil (possivelmente a mesma versão usada para Unity) e renderizado em tempo real. Embora a Ubisoft, como outras empresas do ramo, costume tratar as imagens promocionais de jogos, é de se acreditar que Victory não fuja muito do que aparece nas telas.

Quanto à ação, o assassino da vez é capaz de combater inimigos se balançando heroicamente sobre veículos em movimento, usar disfarces e apostar em cordas para trafegar por ambientes fechados. O site aponta que o personagem pode usá-las para criar pontos de escalada, prendendo-as no teto para alongar salos ou se pendurar a espera do alvo. É detalhe pequeno, mas pode mudar como jogadores abordam missões de assassinato no game. 

Victory está sendo desenvolvido para PS4, Xbox One e PC.

As novidades vêm poucas semanas depois do conturbado lançamento de Assassin's Creed: Unity, que resultou em um esforço descomunal de conserto e ajuste, e até na distribuição gratuita do primeiro DLC do jogo, Dead Kings. O jogo, desenvolvido pela Ubisoft Montreal e um conjunto global de 10 estúdios, apresentou problemas de conectividade, crashes e defeitos diversos (em nossa experiência, chegamos a ser obrigados a recarregar o jogo porque o protaonista Arno havia travado no meio de uma animação de escalada). Também vem pouco tempo depois de Assassins's Creed: Rogue, capítulo da série desenvolvido especialmente para consoles da geração anterior.

Embora a Ubisoft mantenha firma a decisão de lançar um novo jogo da série por ano, ela informou que Victory será o único AC em 2015. A companhia ainda está para lançar um game menor, o Assassin's Creed Chronicles: China, um side-scroller que fará parte do Season Pass de Unity.

Quebec já desenvolveu conteúdo extra para Assassin's Creed III e IV. Desde 2014, a companhia injetou US$ 28 milhões no escritório canadense. A Ubisoft pretende chegar em 2016 com 600 novos funcionários operando na filial.

Fonte: Kotaku
0 COMENTÁRIOS
  • Entrevista: falando de sexo em The Witcher 3
  • A lista n?o-?bvia das 5 melhores experi?ncias em games de 2014
  • Gameplay: Far Cry 4 - A revolu??o dos bichos
  • Aika e as novidades para o fim de 2014
  • Gameplay: LittleBigPlanet 3 - do Titanic ? Ishimura
  • Gameplay: Dragon Age: Inquisition - a caverna do drag?o
  • Se libertando dos cabos: o Mito do Wi-Fi
  • Pol?tica de review
  • PRELOAD: Far Cry 4
  • PRELOAD: Dragon Age: Inquisition
  • Guilty Gear Xrd Sign: Blietzkrieg
    9
  • Far Cry 4: deuses e dem?nios
    8
  • Call of Duty: Advanced Warfare: admir?vel mundo novo
    8
  • Forza Horizon 2: Joyride
    7 .5
  • Assassin's Creed: Rogue: a ordem das respostas n?o dadas
    6 .5
  • Alien: Isolation: cadeia alimentar
    7 .5
  • Lords of The Fallen: que continue a tortura
    7 .5
  • The Evil Within: terapia de choque
    8
  • Driveclub: passeio surdo-mudo
    7 .5
  • Naruto Shippuden: UNS Revolution: abra?o de afogado
    5